21 POLÍTICOS SÃO DENUNCIADOS POR PROMOTOR

Escrito por em janeiro 19, 2021

Vinte e um políticos de Americana (ex-prefeito, ex-vereadores e vereadores reeleitos) ficaram assustados, nesta semana, com uma ação do Ministério Público, assinada pelo promotor Sérgio Claro Buonamici, que pede pagamento de multa e perda de 3 a 5 anos de direitos políticos para todos eles. O promotor entende que prefeito e vereadores aprovaram a criação de cargos comissionados na Fundação de Saúde do Município (Fusame), o que seria inconstitucional. O caso foi encaminhado à Justiça para saber se haverá sequência do processo ou arquivamento. Mesmo assim, preocupados, vários políticos acusados já procuraram por advogados para uma possível necessidade de defesa. Outra situação complicada, também motivada por ação de Buonamici, é a ordem de prisão em regime semi-aberto ao ex-prefeito Diego De Nadai. Sua defesa, porém, localizou documentos na Prefeitura que, teoricamente, o inocentam de acusações como endividamento dos cofres públicos e quebra da ordem cronológica de pagamentos de precatórios. O pedido de revisão da pena já foi encaminhado, segundo o advogado Paulo Sarmento, que defende o ex-prefeito não só neste como em muitos processos. Estes os políticos apontados pelo promotor: Omar Najar, Gualter Amado, Kim, Giovana Fortunato, Thiago Martins, Marschelo Meche, Odir Demarchi, Renato Martins, Thiago Brochi, Vagner Malheiros, Wellington Rezende, Geraldo Fanali, Juninho Dias, Léo da Padaria, Luiz da Rodaben, Otto Kinsui, Pedro Peol, Professor Padre Sérgio, Rafael Macris, Angelo Girardi e Tonhão do Veteranos.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]