Americana começa vacinação contra Covid em pessoas com comorbidades de 55 a 59 anos

Escrito por em maio 11, 2021

Americana começa a vacinar contra a Covid-19 nesta quarta-feira (12), os portadores de comorbidades que se encontram na faixa etária dos 55 aos 59 anos. Dentre as principais comorbidades contempladas estão Diabetes Mellitus, Hipertensão Arterial Grave ou de grau 3, Cardiopatias diversas, Imunossuprimidos, Cirrose Hepática, Obesidade Mórbida, entre outras. A vacinação está sendo feita por meio de agendamento direto no site da Secretaria (www.saudeamericana.com.br). As pessoas contempladas nesse grupo devem comprovar, por meio de carta ou atestado médico, o tipo de comorbidade apresentado, já que nem todas serão contempladas (veja lista abaixo). A vacinação a este público-alvo vai ocorrer entre a quarta e quinta-feira (13), sendo que na quarta-feira também serão vacinados com a primeira dose os idosos com 60 anos ou mais e com a segunda dose, os idosos com 68 anos ou mais, além dos profissionais da Educação, todos por meio de agendamento. Já na quinta-feira, apenas os portadores de comorbidades serão vacinados. Os metroviários e ferroviários também começam a ser vacinados nesta quarta-feira, porém a vacinação para esse grupo deve acontecer apenas na cidade de São Paulo, sendo que em cidades onde residem trabalhadores ligados ao setor, estes deverão procurar o seu local de trabalho para obter informações sobre os locais de vacinação na capital paulista.

Gestantes e puérperas com comorbidades

A vacinação para gestantes e puérperas portadoras de comorbidade, que estava prevista começar nesta terça-feira (11) está temporariamente suspensa, conforme orientação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). Apesar de algumas notícias apontarem possíveis efeitos do imunizante neste grupo, a Anvisa não relatou nenhuma situação específica. Como não houve tempo hábil para informar as mulheres pertencentes a esse grupo, visto que o comunicado do órgão federal ocorreu na noite de segunda-feira (10), a Secretaria de Saúde irá manter em banco os dados das gestantes e puérperas que procuraram as unidades básicas de saúde, pois elas serão informadas posteriormente, assim que houver uma decisão quanto ao uso do imunizante. Americana recebeu, na sábado (8), um lote de 5.675 doses da vacina AstraZeneca, as quais estão sendo utilizadas na vacinação dos portadores de Síndrome de Down e deficiência permanente, transplantados, renais crônicos em processo de hemodiálise, gestantes e puérperas com comorbidades, ora vetada, e aos portadores de comorbidades diversas. Por enquanto, apenas as gestantes e puérperas tiveram a vacinação suspensa, pois os outros grupos seguem recebendo o imunizante normalmente.

Relação das comorbidades contempladas nesta etapa:

Diabetes mellitus

Pneumopatias crônicas graves

Hipertensão arterial resistente (HAR)

Hipertensão arterial estágio 3

Hipertensão arterial estágio 1 e 2 com lesão em órgão-alvo e/ou comorbidade

Insuficiência cardíaca (ICC)

Cor-pulmonale e Hipertensão pulmonar

Cardiopatia hipertensiva

Síndromes coronarianas

Valvopatias

Miocardiopatias e Pericardiopatias

Doenças da Aorta, dos Grandes Vasos e Fístulas arteriovenosas

Arritmias cardíacas

Cardiopatias congênitas no adulto

Próteses valvares e Dispositivos cardíacos implantados

Doença cerebrovascular

Doença renal crônica

Imunossuprimidos

Hemoglobinopatias graves

Obesidade mórbida

Cirrose hepática


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]