CAMPINAS SE ANTECIPA E ESTENDE QUARENTENA ATÉ 30 DE JULHO COM RESTRIÇÕES

Escrito por em julho 15, 2020

A Prefeitura de Campinas nem esperou o pronunciamento do governador João Doria (PSDB), marcado para a próxima sexta-feira (17), e já prorrogou, até 30 de julho, a quarentena para combater o avanço de casos do novo coronavírus no município. A medida, em vigor na cidade desde o dia 23 de março, mantém apenas serviços essenciais em funcionamento e determina restrições em diversos setores da economia e do comércio da cidade. O decreto de prorrogação assinado pelo prefeito Jonas Donizette (PSB) foi publicado no Diário Oficial e passa a valer imediatamente. De acordo com o chefe do Executivo, na hipótese de surgir novas justificativas sanitárias, o prazo será novamente prorrogado. A medida anteriormente valia até terça-feira (14). No dia em que completou 246 anos, Campinas voltou a bater o recorde de mortes confirmadas em 24 horas. Foram 26 novos óbitos na terça-feira (14), o que elevou o total para 481. Além disso, conforme os dados atualizados na tarde desta terça-feira, foram mais 286 casos de moradores infectados, fazendo com que o município chegasse a um total 12.247. A região de Campinas retornou, no dia 6 de julho, à fase vermelha do Plano São Paulo – a mais restritiva do planejamento do governo estadual para a retomada da economia. Como Campinas puxa toda a RMC, certamente Americana e outras cidades seguirão na fase vermelha. Somente João Doria pode mudar esta situação.

 


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]