Record proíbe amuletos da sorte em “A Fazenda 13”

Escrito por em setembro 6, 2021

A 13ª temporada de “A Fazenda” começa no dia 14 de setembro com a apresentação de Adriane Galisteu. Entre os possíveis peões, temos: Bil Araújo, Tati Quebra Barraco, Nego do Borel e outros.

E vamos falar de um tópico que costuma render polêmicas nas redes sociais. As malas dos confinados foram inspecionadas para que não haja risco de infração no reality. Nenhum peão poderá levar livros, por exemplo. O intuito é fazer com que eles estejam 24 horas focados no que acontece no jogo e exercitem a convivência o máximo de tempo possível.

Sendo a Record uma emissora evangélica, está vedada a aparição de amuletos, terços, patuás, bichos de pelúcia ou qualquer outro item que estabeleça conexão afetiva com familiares ou o público, de maneira geral, que assiste ao programa.

Mas desta vez chama atenção o fato dos peões não poderem levar camisas com imagens de artistas brasileiros vivos. Artistas internacionais vivos ou mortos e artistas do Brasil já falecidos estão liberados.

Outros detalhes no vestuário foram vetados: roupas com logomarca, slogan, marca visível ou marca de patrocinador; estampas com o nome e/ou fotos da própria pessoa ou familiar; frases ou palavras legíveis em português serão submetidas à avaliação da produção do programa; calçados com logomarca ou marca muito visível; e colares e correntes de qualquer tipo.

FONTE: POPLINE


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]